histórias para ben dormir

Era uma vez uma certeza.

Deixe um comentário

Filho,

durante toda a gravidez uma grande certeza eu tinha:você não teria babá. Eu iria contratar alguém para cuidar da nossa casa (limpar, cozinhar, lavar e passar) só para que eu pudesse me dedicar exclusivamente a você. E como (segundo os livros) um bebê recém-nascido mama a cada 3 horas e dorme em média 16 horas por dia, isso me deixaria com bastante tempo para descansar e ainda trabalhar de casa durante a licença-maternidade.

Como muitas outras certezas, o seu primeiro mês de vida fora da barriga conseguiu derrubar completamente essa também. Eu fiz planos e tomei decisões sem me dar conta de que você não leu os livros.

No final do seu primeiro mês, seu pai tirou férias e ficou 10 dias em casa com a gente. Isso foi o suficiente para ele conseguir colocar meus dois pés no chão e me mostrar que eu precisava de ajuda. Se não para cuidar de você, que fosse então para cuidar de mim. Eu havia esquecido completamente de mim, filho. Como então eu poderia ser uma boa mãe?

20140317-104946.jpg

Anúncios

deixe aqui seu comentário =)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s