histórias para ben dormir


Deixe um comentário

9 meses.

Filho,

nessa última semana você completou 9 meses de vida fora da minha barriga. O que significa que, agora, a sua experiência de vida e de mundo do lado de fora é do mesmo tamanho que você teve do lado de dentro. E a cada dia que passa você vai se tornar um serzinho mais e mais experiente. Sua adaptação a esse mundo foi tão difícil, que ver a sua alegria hoje fazendo pequenas descobertas me traz uma paz do tamanho do mundo.

E que delícia é estar ao seu lado e comemorar todos os dias as pequenas descobertas que fazem e farão de você uma pessoinha incrível!

Descobrir que se você apertar o patinho de plástico dentro da banheira vai fazê-lo esguichar água. Descobrir que no meio do nosso rack tem um buraco em que você pode guardar seus brinquedos e depois desguardá-los. Descobrir que você sabe engatinhar, mas prefere se arrastar pela sala porque assim faz menos força e chega muito mais rápido onde você quer ir. Descobrir que se você estiver cansado do mundo é só chorar bem de mansinho que a mamãe vai sempre ter o colo mais gostoso da via láctea para você se aconchegar. Descobrir que se você se recusar a tomar a mamadeira consegue ir direto para a sobremesa e comer sua fruta preferida. Descobrir que bater palmas pode ser a coisa mais divertida do mundo e nem é preciso esperar chegar o dia do aniversário para comemorar essa descoberta.

O aprendizado é feito de pequenas grandes descobertas, filho. Isso é o que faz dele algo tão precioso. E o que vai fazer de você uma pessoa diferente e melhor a cada dia. Eu desejo que você nunca pare de aprender. E nunca deixe de se encantar com as descobertas que faz pelo caminho.

Processed with VSCOcam with f2 preset

Sua tia Gabi veio dar um beijo em você no dia do seu 9º mesversário.

Processed with VSCOcam with f2 preset

 Não teve festa, mas teve bolo com vela, teve balofa e sua tia Carol.


Deixe um comentário

Mesversário.

Filho,

eu adoro essa invencionice do mesversário, pois assim podemos celebrar suas pequenas mudanças e conquistas, como ficar apoiado de bruços sobre os cotovelos, segurar seu brinquedinho de vaquinha com a mão, conseguir bater nas bolinhas do brinquedo de elefante, deixar de usar fralda tamanho RN e começar a usar roupinhas de 3 meses.

Seu primeiro mesversário foi muito caótico para ser comemorado. O segundo teve bolo e família. O terceiro já está se aproximando e, com ele, me dei conta de algo muito bobo e singelo. Cada mês do ano carrega em si a data do seu mesversário, e por isso no mês três você vai completar três meses. =)

foto 2

foto 1


Deixe um comentário

Chá de Benjamin

Filho, desde o dia em que você começou a existir dentro da minha barriga, fui atingida por uma chuva de pitacos e conselhos.

Dentre os muitos que recebi, uma amiga me jurou de pés juntos que isso de fazer Chá de Bebê ou Chá de Fraldas não vale à pena, pois os pais sempre gastam mais do que recebem.

Imagino que ela tenha feito o tal cálculo considerando apenas as variáveis tempo e dinheiro. E muitas vezes, filho, eles são o que menos importa.

Porque a alegria de compartilhar nossa felicidade e um pouco de você com as pessoas que amamos é o que realmente nos motivou a fazer o seu Chá, sua primeira festa. Essa alegria é impossível de ser calculada ou paga. E ela é boa demais.

Principalmente porque tudo começou muitos dias antes do seu chá. Foram semanas inteiras de preparativos, recebendo o carinho da sua tia Carol, vó Marina e Clarisse que nós ajudaram com as comidinhas. Seu pai criou e recortou todos os tags, eu fiz os cupcakes e os primeiros convidados a chegar ainda nos ajudaram com a decoração, que não ficou pronta a tempo.

Filho, cada ajuda que recebemos é uma forma de amor e carinho. E isso não tem preço, porque é impossível de comprar.

20131018-115459.jpg

20131018-115518.jpg

20131018-115545.jpg